segunda-feira, 27 de abril de 2015

Nordeste tem 15 milhões de pessoas registradas em serviços de proteção ao crédito

Nordeste ocupa a vice-liderança entre as regiões mais individuadas do País.
Dados do SPC Brasil aponta a região sudeste como líder no rank dos endividados
A região nordeste tem o segundo maior número de consumidores inadimplentes registrados em serviços de proteção ao crédito, são 15 milhões de pessoas. O primeiro lugar fica com a região Sudeste são 22,6 milhões de pessoas, em números absolutos. O Sul, com 7,5 milhões, ocupa a terceira posição. As regiões Norte e Centro-Oeste aparecem na sequência com números similares: 5 milhões e 4,5 milhões, respectivamente. Os dados são do Indicador Regional de Inadimplência do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) do mês de março.No total, o número de consumidores com dívidas em atraso em todo o Brasil cresceu 3,76% em março de 2015, na comparação com o mesmo mês de 2014. Na análise regional, destacam-se o Centro-Oeste e o Nordeste, com as maiores altas do número de devedores (+4,09% e +4,01%, respectivamente). O Sul registrou o menor crescimento do indicador entre as regiões (+2,41%).Segundo a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, esse crescimento da quantidade de pessoas negativadas em todo o país reflete o difícil cenário macroeconômico visto nos últimos meses, com piora dos índices de emprego e confiança. "Apesar disso, as taxas de crescimento da inadimplência têm sido discretas quando comparadas com a série histórica, mostrando perda de fôlego dos índices anuais na maioria das regiões e no Brasil como um todo", diz."Isso é reflexo da redução da base de crédito disponível na economia, com os bancos comerciais concedendo cada vez menos crédito aos consumidores e com a queda do apetite para compras de bens ligados a financiamento, como materiais de construção e automóveis", explica Kawauti.

Prazo para novos contratos acaba na quinta, dia 30

O prazo para novos alunos contratar o Fies se encerra nesta
quinta-feira,30. Expectativa do MEC é de 250 ml novos contratos 
Os estudantes que desejam contratar o Financiamento Estudantil (Fies) para o primeiro semestre deste ano tem até quinta-feira, 30, para acessar o Sistema Informatizado do Fies (Sisfies) e realizar a inscrição.  Apesar dos problemas apresentados pelo Sisfies na inscrição dos estudantes o prazo inicial para novos contratos foi mantido, apenas as renovações de contratos ativos tiveram  o prazo estentido para o dia 29 de maio. Mesmo com o sistema ativo para receber novas inscrições, não é garantido que todos os interessados no Fies consigam o benefício. Por questões orçamentárias o Governo Federal vem limitando o número de novos financiamentos. Em 2015, a estimativa do Ministério da Educação (MEC) é de 250 mil novos contratos. Com isso, serão 480 mil novos contratos a menos em relação a 2014.Segundo o Ministério da Educação (MEC), os novos contratos têm sido priorizados para cursos mais bem avaliados e em regiões menos atendidas.

domingo, 26 de abril de 2015

Ônibus adaptado para Mediação Itinerante será entregue em solenidade

O Ônibus de Mediação Itinerante visa levar aos bairros da periferia
e da região metropolitana de Fortaleza,  além das cidades
do interior do Estado do Ceará
Nesta segunda-feira (27/04) o Sindiônibus fará uma solenidade, em sua sede, às 10:30h, para a entrega oficial ao Ministério Público de um ônibus adaptável, que dará início ao Projeto de Mediação Itinerante.O projeto, que tem como objetivo expandir a mediação de conflitos em bairros da periferia de Fortaleza e Região Metropolitana, é uma parceria do Sindiônibus (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará), Sinterônibus (Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Intermunicipal e Interestadual do Ceará) e Ministério Público do Estado do Ceará, por meio da Procuradoria Geral de Justiça do Ceará.O Ônibus de Mediação Itinerante visa levar aos bairros da periferia e da região metropolitana de Fortaleza, além das cidades do interior do Estado do Ceará, cuja população é constituída basicamente de pessoas com baixa renda, serviços de atendimento ao público, orientação na área jurídica e social, encaminhamentos, e tudo o mais que possa contribuir na elevação da melhoria da qualidade de vida desses cidadãos, disseminado a cultura de mediação de conflitos como via facilitadora da democratização do acesso à justiça por parte dessa parcela marginalizada da população brasileira.O veículo doado pelo Sindiônibus e Sinterônibus foi totalmente adaptado, contendo duas salas de atendimento, com mesas cadeiras, armários, além de uma recepção externa com cobertura móvel. Ele ficará exposto durante o evento.Na ocasião, estarão presentes autoridades municipais, promotores e procuradores de justiça, coordenadores dos Núcleos de Mediação, além de empresários das empresas associadas ao Sindiônibus e Sinterônibus.

Serviço
Solenidade de Entrega do Ônibus de Mediação Itinerante
Dia: 27/04 - segunda-feira
Horário: 10:30h
Local: Sindiônibus – Av. Borges de Melo, 60, Aerolândia.

Fonte: Assessoria de Comunicação Sindionibus

quarta-feira, 22 de abril de 2015

Obras do aeroporto de Fortaleza são licitadas hoje

Obras do Aeroporto Internacional Pinto Martins em Fortaleza
deverão ser retomadas em 51 meses.
Após uma série de adiamentos, a licitação para a retomada das obras do Aeroporto Internacional Pinto Martins será lançada às 9h de hoje. Inicialmente prevista para março último, a apresentação das propostas das empresas interessadas foi adiada para o dia 6 de abril, sendo em seguida postergada para hoje.
Segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), o adiamento deveu-se à solicitação das empresas por um período mais longo para apresentar as propostas.
Previsão
A ampliação do equipamento está prevista para ser finalizada em 2020. Após a abertura das propostas financeiras das empresas, serão precisos outros documentos que comprovem a capacidade da vencedora da licitação de executar o serviço. A intervenção deve ser feita em 1.530 dias, ou 51 meses.
A nova licitação para a ampliação do equipamento foi lançada após nenhuma das construtoras convocadas aceitar concluir, pelo preço antes licitado, R$ 336 milhões, as obras inacabadas pelo consórcio construtor CPM Novo Fortaleza. Após a rescisão do contrato com o consórcio, por abandono da obra, a estatal busca na Justiça Federal receber R$ 33,6 milhões, referentes a 10% de multa rescisória, calculado sobre o valor do contrato original.
Segundo a Infraero, foram pagos ao consórcio R$ 79 milhões - valor correspondente às obras realizadas, restando a receber apenas o valor correspondente a uma multa de 10%. O aeroporto conta hoje com apenas com 15,6% da estrutura concluída.
com DN

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Prefeito Roberto Claudio confirma estudo para reformas nos Terminais de ônibus de Fortaleza

Prefeito de Fortaleza Roberto Claudio, no estúdio da Rádio Expresso
Somzoom Sat, foi entrevistado por Kézya Diniz e Enivaldo Barbosa,
no programa Expresso em Pauta (12 as 13h)
Em entrevista no Programa Expresso em Pauta hoje, 06/04, aos apresentadores Kézya Diniz e Enivaldo Barbosa, o prefeito de Fortaleza Roberto Claudio revelou planos de requalificação para todos os terminais de ônibus urbanos da capital cearense; "Esses terminais, que foram construídos ainda na gestão do prefeito Juracy Magalhães, nunca tiveram uma reforma desde sua entrega, mesmo com o crescimento da cidade o do número de passageiros". RC lembrou ainda que os usuários utilizam esses serviços mas, reclamam das condições atuais dos aparelhos e que "estão em péssimas condições e Eles merecem o melhor". O prefeito acrescentou ainda que embora tenha sido detectada essa carência nos terminais, isso só será feito após um amplo debate ouvindo todas as partes e descartou todas as possibilidades de haver alguma modificação que não leve em conta o bem estar dos usuários; "não faremos nada, que possa vir a acarretar custos aos usuários" pontuou o prefeito.
Durante a entrevista, Roberto Claudio também fez referências as dificuldades circunstancias de entregar algumas obras,como a nova avenida Beira Mar, que foi iniciada na gestão da então prefeita Luizianne Lins (PT) pela construtora Camargo Correia, agora investigada pela operação Lava Jato. "Mesmo com as dificuldades, faremos a entrega do primeiro trecho que é o mercado dos peixes até julho próximo", disse ele.
Indagado sobre o sucesso do "Bicicletar", ele disse que também está surpreso com o sucesso na adesão pela população e que vai ampliar o programa para outros bairros e priorizar novas estações próximas a terminais de ônibus para fazer melhor integração.
Falando ainda sobre mobilidade urbana, o prefeito Roberto Claudio disse ser prioridade de sua gestão, deixar Fortaleza com o maior corredor exclusivo para ônibus entre todas as cidades brasileira.
Indagado se seria possível cumprir em apenas 4 anos, ele disse; "espero que sim. embora reconheço ser difícil, dada a complexidade da máquina pública mas, tenho ainda um bom tempo e não quero antecipar discussões futuras", finalizou o gestor municipal.

domingo, 5 de abril de 2015

Prefeito tem estratégia definida para a disputa

Roberto Cláudio  em visitas a obras no bairro de Antônio Bezerra,
é acompanhado pelo governador Camilo Santana e outros possíveis
apoiadores de sua candidatura à reeleição em outubro do próximo ano

Foto: Bruno Gomes
Os compromissos já firmados com aproximadamente uma dezena de partidos que lhes garantem um tempo razoável de rádio e televisão, no Horário Eleitoral Gratuito, e um plano de obras e serviços capaz de justificar as críticas por eventuais compromissos de campanha não cumpridos de todo, independentemente do total de recursos federais prometidos e não liberados, o prefeito, silenciosamente, estrutura sua campanha, admitindo, inclusive, enfrentar, juntos ou separados, o PMDB, principal aliado de 2012, e o PT, o mais importante adversário daquele ano.
Roberto Cláudio evita tratar especificamente da disputa eleitoral do próximo ano. Ele se esquiva com o argumento de estar totalmente focado na administração, muito especialmente agora em razão das dificuldades orçamentárias e financeiras da União, sua principal parceira em várias das obras tocadas pela gestão municipal, com destaques para aquelas ligadas à saúde, à moradia, e as de mobilidade urbana, percalços que impuseram um reordenamento de prioridades e de buscas de outras fontes de financiamentos.
Governador
No seu dizer, discutir candidatura de 2016, neste momento, é contraproducente. Mas ele não tem se descurado, com a devida parcimônia, de tratar da questão com quem tem o poder de decisão nos partidos e nos diversos bairros da Capital, por onde tem andado, muito frequentemente, com vereadores e outras lideranças, inclusive algumas que ajudaram a dar boa votação a Eunício na disputa pelo Governo do Estado, no ano passado. As visitas, voltadas para a administração, terminam, também, objetivando 2016.
O governador Camilo Santana, com ou sem o PT, será apoiador de Roberto Cláudio. Mesmo eleitoralmente tendo pouco a oferecer à empreitada do prefeito, as parcerias em projetos para serem executados, já a partir da segunda metade deste ano, nos diversos pontos da Capital, fortalecerão o discurso da campanha, de eficiência e realizações, permitindo fazer comparações dos quatro anos desta gestão com os oito do Governo municipal anterior. O governador terá uma participação explícita na campanha defendendo a reeleição do atual prefeito.
Se ela será mais ou menos agressiva vai depender da posição do PT municipal à época do pleito. Camilo, ao seu estilo, tem feito gestões no sentido de neutralizar as forças do partido, em Fortaleza, que insistem na candidatura própria. Será difícil lograr êxito nesse objetivo. Luizianne admite ser candidata.
Mas, com certeza, o PT da Capital entrará fragilizado na disputa, ou essa parte dele, considerada refratária, como se deu no pleito passado para o Governo do Estado, apoiará informalmente o adversário do prefeito, resultando que, o seu maior patrimônio de hoje, o tempo para a propaganda eleitoral, ficaria sem utilidade.
Fora as investidas de Roberto Cláudio, atualmente não se conhece qualquer outro trabalho consistente com vistas às disputas do próximo ano. O grupo que se aliou em torno da candidatura de Eunício Oliveira ao Governo do Estado, no ano passado, incluindo parcela do PT da Capital, até que ensaiou um movimento pensando 2016, mas não avançou. A heterogeneidade de ideias e vaidades afastaram os líderes, embora no discurso tentem mostrar o contrário. Eles até poderão voltar a se aglutinarem, assim favoreçam as conveniências na ocasião, dentre as quais a inviabilidade de algumas candidaturas, como as do PR e PT.
Reestruturação
Luiz Pontes, presidente estadual do PSDB, está motivado pelo senador Tasso Jereissati a avançar na reestruturação do partido no Ceará, de modo a participar das eleições municipais em vários municípios, inclusive em Fortaleza, onde, historicamente, a agremiação nunca teve uma forte representação. Os tucanos cearenses não têm qualquer acordo com o grupo de partidos a que se aliou no pleito passado. "Aquilo é página virada", diz Pontes.
Pela programação dos tucanos, a partir de agora alguns eventos serão programados para diversos municípios cearenses, sempre com a presença do senador Tasso, a princípio, com o propósito de inaugurar os 120 diretórios já estruturados por velhos e novos aliados, e posteriormente para cuidar das eleições municipais. A direção estadual da agremiação quer apresentar o maior número possível de candidatos a prefeitos e vereadores, preferencialmente nomes jovens com determinação de contribuir para oxigenar a política cearense.
O sentimento dominante no espaço tucano é que a falta de lideranças com pensar novo, com o sentimento de mudanças no modo do fazer política de hoje, detestável por um expressivo segmento social, reclama do PSDB esse investimento nos seus quadros, ensejando, inclusive, a que outras agremiações se renovem e afastem os não comprometidos com as boas práticas reclamadas a todos que se propõem estar na vida pública.
Edison Silva (Editor de Política - DN)

Polícias rodoviárias registram lentidão na BR-116 e CE-040 durante a volta do feriado

As Polícias Rodoviárias Federal (PRF) e Estadual (PRE) registraram, no final da tarde e início da noite deste domingo (5), pontos de lentidão nas BRs 116, 020 e na CE-040, durante a volta do feriadão de Semana Santa. O trecho compreendido entre os kms 53 e 64 da BR-116 foi posto em sentido único (Interior-Capital) para diminuir o congestionamento. Antes da ação a PRF chegou a registrar 52 km de congestionamento na rodovia. Agentes da PRF estão na região para prestar auxílio aos motoristas que trafegam pela região.
De acordo com a PRF, por volta das 17h o fluxo estava bastante lento na BR-116 no sentido Interior-Capital entre os kms 58 e 53, em Pacajus; e entre os kms 80 e 60, emChorozinho. Na BR-020 também registrou fluxo bastante intenso, porém fluindo, no sentido Interior-Capital.
Já na CE-040, um acidente entre três veículos próximo a entrada do município de Eusébiocomplicou o trânsito para quem estava voltando do Litoral-Leste para Fortaleza. Uma equipe foi enviada ao local para auxiliar na operação. A PRE registrou congestionamentos até a entrada daPraia do Iguape. Ninguém ficou ferido.
Dados parciais apontam queda no número de acidentesDados parciais nas rodoviais estaduais no feriado da Semana Santa apontam para queda nos índices de acidentes, mortos e feridos. Diminuiu para 43% o índice de mortes em relação aos dois primeiros dias do feriado em 2014, saindo de 7 para 4 vítimas fatais.

Iguatemi Fortaleza inaugura sua nova expansão

De acordo com a diretoria, cerca de 60% das 180 lojas já estavam
em funcionamento e o restante deve ser inaugurado em maio.
O Shopping Iguatemi realizou neste dia 02/04, sua sexta expansão. Desta vez, mais 180 lojas faram adicionadas ao complexo e investimento de R$ 360 milhões. Com o novo espaço, o Iguatemi Fortaleza passou de 300 para 480 lojas e quiosques, entre elas 14 lojas âncoras. De acordo com o grupo JCC, que também controla os shoppings Bosque dos Ipês, em Campo Grande, e Bosque Grão Pará - com previsão para inauguração no segundo semestre de 2015 - em Belém, foram gerados, pelo menos, 3.500 empregos diretos.
A estimitativa é que o fluxo médio de clientes por dia passe de 60 mil para 85 mil. A expansão conta com  três novos pavimentos com mais 31 mil metros quadrados de Área Bruta Locável. Haverá uma terceira praça de alimentação com 28 operações, espaço gourmet com cinco restaurantes e um segundo edifício garagem com sete pavimentos e mais 2.500 vagas cobertas para carros, motos e bicicletas. O terceiro piso será exclusivo para a academia Bodytech.