Pesquisar este blog

sábado, 17 de agosto de 2013

Rápidas

SENAI/CE oferece curso sobre gerenciamento de resíduos sólidos
O Centro de Formação Profissional Antônio Urbano de Almeida, unidade do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI/CE) instalada no bairro Jacarecanga, está com inscrições abertas para o curso Gerenciamento de Resíduos Sólidos. O evento tem como pré-requisito para participação a conclusão do ensino médio e visa capacitar profissionais ao adequado gerenciamento de resíduos sólidos nas empresas.Nesse sentido, o conteúdo programático abordará, dentre outros tópicos, conceitos de gestão, gerenciamento e conceitos ambientais; histórico e panorama dos resíduos sólidos; legislação e normas técnicas pertinentes à área; viabilidade técnica, econômica e ambiental das opções de gerenciamento de resíduos e plano de gerenciamento de resíduos sólidos e sua continuidade.

Viaduto da Antonio Sales com Santana Junior: Ô obra difícil!

Obra deverá ter inicio em sentido invertido
Diante da permanência de manifestantes dentro do Parque do Cocó, a Prefeitura de Fortaleza anunciou que irá inverter as etapas da construção dos viadutos, caso oimpasse não se resolva. Em vez de as obras começarem com o alargamento da Avenida Antônio Sales, os trabalhos terão início na avenida Engenheiro Santana Júnior, do lado oposto ao Cocó. A medida, no entanto, implicará em maior impacto no trânsito. O bloqueio do cruzamento entre as vias, que seria feito nos últimos seis meses do cronograma, pode estender por até dez meses.
informação foi confirmada pela assessoria do Paço Municipal, que ponderou a hipótese – pouco provável – de trégua por parte dos manifestantes. O prefeito Roberto Cláudio estaria considerando a possibilidade de saída espontânea dos acampados do Cocó, após reuniões com entidades que se dispuseram a intermediar uma negociação, como a Ordem dos Advogados do Brasil, secção Ceará (OAB-CE) e a Defensoria Pública.
O secretário da Infraestrutura de Fortaleza, Samuel Dias, disse que a retomada das obras deverá ocorrer na próxima semana, mas não especificou a data. Se a mudança na ordem da construção for feita, segundo a Prefeitura, os bloqueios e desvios de fluxo na avenida serão imediatos, ao contrário do que previa o projeto original.
Segundo a assessoria do Paço, a primeira fase será o alargamento da Antônio Sales e, depois, a construção das fundações do viaduto, o que, segundo o Município, exigiria o bloqueio. As obras na área mais próxima ao Cocó ficariam para o fim. A Prefeitura afirma que, apesar das possíveis alterações, o cronograma de atividades está mantido em 14 meses.
Nos primeiros dias de acampamento no Parque, o Município chegou a colocar tapumes na Engenheiro Santana Júnior para dar início aos trabalhos, mas foi barrada pelo protestos de manifestantes, além de ter considerado o prejuízo para o fluxo de carros no local.
Vigília permanece
Ontem, os acampados reforçaram que permanecerão em vigília até que a Prefeitura substitua os viadutos por projetos alternativos que já teriam sido apresentados. O Município conseguiu na Justiça Federal a liberação da obra, mas não possui ordem judicial para fazer a desocupação do Cocó.

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Calçado, couro e castanha de caju derrubam balança comercial cearense

Calçados, couro e castanha de caju responsáveis pela queda
A balança comercial cearense fechou os primeiros sete meses deste ano com um déficit de US$1,3 bilhão, o dobro do valor registrado no mesmo período de 2012. As informações são do estudo Ceará em Comex, realizado pelo Centro Internacional de Negócios (CIN/CE) da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC).
De acordo com o estudo, o valor exportado no Ceará sofreu queda de 9,1% no acumulado de janeiro a julho de 2013, acompanhando a tendência observada na região Nordeste. A balança brasileira teve queda de US$1,9 bilhão em julho e um saldo negativo de US$4,9 bilhões no acumulado dos sete meses de 2013.
Os principais setores das exportações cearenses são calçados, couros e castanhas de caju, representando pouco mais da metade do valor comercializado pelo estado. Logo após vem frutas, têxteis e ceras vegetais, este último apresentando queda de 26,8% no valor acumulado e um crescimento de 80% considerando o mês atual. As exportações de eletrônicos mantêm-se em alta nos primeiros 7 meses alcançando o valor de US$25,9 milhões, representando um aumento de 748% em relação ao ano anterior.
Os principais destinos dos produtos cearenses são os EUA (com queda de 21,8%) e a Argentina (com alta de 9,2%). Entre os blocos econômicos, destaca-se, no acumulado, o crescimento da Comunidade Andina com 24,8% e no mês corrente com 46,8%.
Quanto às importações, destaque para a compra de US$23 milhões em lâminas de ferro/aço em julho com um aumento de 541% em relação ao mesmo mês do ano anterior. Os setores de combustíveis, ferro/aço, máquinas/metal mecânico e cereais representam cerca de 65,0% do total importado pelo estado em 2013. Metade desse total tem origem na China, Estados Unidos, Trinidad e Tobago e Argentina.

Maracanaú decentraliza ações através dos cates

Jovens empreendedores serão atendidos pelo CATES
Os Centros de Atendimento ao Trabalhador e Empreendedor – Cates vão descentralizar as ações de emprego, apoio ao empreendedorismo e qualificação executadas pelo Sine Municipal, em Maracanaú. Município contará com 10 Cates até o final de 2013
O Governo Municipal de Maracanaú, por meio da Secretaria de Trabalho, Emprego e Empreendedorismo - Setee e em parceria com o Instituto para o Desenvolvimento Tecnológico e Social – Idear, está oferecendo à população os Centros de Atendimento ao Trabalhador e Empreendedor – Cates, a partir deste mês de agosto, em três locais do Município: na Associação Comunitária Beneficente do Jaçanaú e Adjacências – Acobeja, no Jaçanaú; no Projeto Vida Júlio Emilio - Provije, no Jardim Bandeirante; e no Centro Paradesportivo Edvaldo Prado, no Jereissati I. 
O objetivo dos Cates é descentralizar os atendimentos realizados no Sine Municipal, localizado no Jereissati, como consultas para vagas de emprego, cadastro no Sine, encaminhamento ao mercado de trabalho, oficinas e cursos gratuitos, disponibilizando estes serviços de maneira mais próxima à população de cada bairro. O Cate do Centro Paradesportivo Edvaldo Prado visa ainda facilitar a qualificação e o acesso ao mercado dos maracanauenses portadores de necessidades especiais. 
 A expectativa é que, até o final de 2013, 10 Cates estejam funcionando e beneficiando os maracanauenses, em vários locais do Município. O horário de funcionamento dos Cates é de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas e de 13 às 17 horas. 
Localização - O Cate Acobeja fica localizado no bairro Jaçanaú, na Rua Ernesto Gurgel de Amaral, n° 70. O Cate Paradesportivo está no bairro Jereissati I, na Rua 42, n° 459. O Cate Provije encontra-se  no bairro Jardim Bandeirante, na Rua São José, n° 501. Já o Sine Municipal de Maracanaú fica localizado no bairro Jereissati, Avenida I, n° 17, no Feira Center Shopping. 

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

A Vila Sonora de Aquiraz

Praia do município de Aquiraz
O município de Aquiraz, primeira vila instituída oficialmente no Ceará, recebe nos dia 9 e 10 de agosto uma extensa programação cultural intitulada VILA SONORA, que envolve um conjunto de seminários, oficinas, feiras e shows.
A programação, toda  gratuita é uma iniciativa da Associação Cultural Solidariedade e Arte - SOLAR e conta com o apoio da lei de incentivo do Mecenato e de outras instituições.
“Desde 2003, quando coordenei o mapeamento cultural de Aquiraz, que criei um vínculo com esse município e tenho mantido uma relação permanente com seus grupo e artista, inclusive com o produtor executivo e curador do Vila Sonora, Arnóbio Santiago, começou como agente mapeador do município de Aquiraz em 2003”, explica Pingo de Fortaleza, coordenador geral do evento.
A programação do Vila Sonora visa não só difundir mas, trabalhar aspectos da discussão e da formação cultural através de seminários e oficinas, tais como, que também envolvem agente culturais locais em suas execuções.
Na parte de show o Vila Sonora apresenta uma programação bastante eclética e diversificada, englobando uma variedade de gêneros e timbres, e também incorporando os grupos musicais do município, e destacando artistas nacionais como Tunai e Fauzi Beydoun (Tribo de Jah), alem de outros grupos.
“Para mim e muito importante voltar em Aquiraz e poder participara e dinamizar essa programação que estimula as organizações locais e os artistas do município, pois, o Vila Sonora pretende se constituir  num evento anual de formação e difusora da cultura histórica deste município”, afirma Arnóbio Santiago, produtor executivo  e curador do Vila Sonora.

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Seminário comemora 40 anos do Sindcerâmica

Setor ceramista promoverá seminário sobre sustentabilidade
O Sindicato da Indústria e Olaria de Produtos Cerâmicos do Estado do Ceará (Sindcerâmica) completa este ano 40 anos de atividades. Para marcar a data, o sindicato realiza, de 22 a 24 de agosto, na Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), o Seminário Gestão, Sustentabilidade e Inovação, um dos maiores eventos do segmento de cerâmica em nosso estado. A solenidade de abertura, oportunidade na qual será realizada a entrega do Troféu Ceramista 2013, ocorre em 22 de agosto, às 19h30. Também na abertura, haverá a palestra do arquiteto, consultor e pós-graduado em Gestão de Marketing, Paulo Angelim.Temas como gestão financeira e de custos, sustentabilidade, produção mais limpa e assuntos mais técnicos como o processo de queima da cerâmica, tipos de fornos e matéria-prima serão abordados no evento, que vai contar com uma feira do setor. Alguns dos destaques da programação serão duas visitas técnicas realizadas em empresas de Aquiraz e Cascavel, previstas para o sábado (24/8).

Como reduzir sua tarifa de energia elétrica?

Programa da FIEC orienta as empresas para melhor uso da energia
A Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), por meio do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA), realiza nessa quarta-feira, 7/8, das 18h às 22h, o curso Como reduzir sua tarifa de energia elétrica. Voltado para empresários, o objetivo é disseminar informações sobre a composição da conta de energia elétrica das empresas industriais e sobre o impacto de seu custo sobre a competitividade da indústria, oferecendo suporte técnico e estimulando a atuação da indústria local para influenciar os processos de reajuste e de revisão das tarifas de energia elétrica.O programa, ministrado pelo engenheiro elétrico Fábio Sales Dias, vai abordar  os temas “Por que as tarifas de energia são tão caras no Brasil?”, “Por dentro da conta de energia”, “Reajuste e Revisão das Tarifas” e “Ação da Indústria para Competitividade”.Um dos destaques do curso são os processos de reajuste e revisão das tarifas – incluindo as formas de participação das empresas nesses processos –, apresentando as ações da indústria para buscar tarifas mais competitivas e divulgando o suporte técnico oferecido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) às federações que desejem expressar à ANEEL a posição da indústria local quanto ao tema.Fábio Sales Dias é consultor credenciado pela CNI,  graduado em engenharia elétrica pela Universidade de Brasília (UnB) e pós-graduado em gestão de projetos pela Fundação Getulio Vargas (FGV). É sócio-gerente da VARIO Engenharia, Consultoria e Projetos, e ocupou cargos como diretor executivo da Associação Brasileira dos Pequenos e Médios Produtores de Energia Elétrica (APMPE) e diretor técnico da Energética-Tech Consultoria.Os empresários interessados no curso devem entrar em contato com a gestora do PDA, Lúcia Abreu, na FIEC, pelo telefone (85) 3421 6509 ou pelo e-maillucia@sfiec.org.br.

sábado, 3 de agosto de 2013

Cuidando da fronteira

Prefeito Firmo resolvendo um problema antigo
O Governo Municipal de Maracanaú fará um grande investimento na infraestrutura viária do bairro Siqueira, justamente na área de limite com Fortaleza. Os serviços de drenagem, terraplenagem e pavimentação beneficiarão moradores de 12 ruas. O prefeito Firmo Camurça, na próxima sexta-feira, 2 de agosto, a partir das 16 horas, durante solenidade na Avenida Juscelino Kubitschek, esquina com Rua Padre Fialho, no Siqueira, assinará a ordem de serviço das obras. O investimento será R$ 945 mil, contribuindo para solucionar problemas de alagamento nas vias, que ocorriam no período chuvoso, melhorar o trânsito e facilitar os serviços de transporte público e coleta de lixo. As famílias moradoras nas ruas José Arão, Padre Fialho, Maciel Luz, da Bandeira, Otávio Lobo, Adalberto Malveira, Valter Cavalcante, Nezita Cabral, Mandú, Leandro Henrique, Possidônio S. Costa e São Francisco Xavier, estão entre as beneficiadas.